Mostrar mensagens com a etiqueta Lideres. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Lideres. Mostrar todas as mensagens

terça-feira, 26 de abril de 2016

Dom Manuel II, de Portugal (1889-1932) o Adeus a Monarquia em Portugal



Ja faz algum tempo que eu e a Historia de Portugal andamos um pouco afastados ou de costas viradas no entanto sao diversos os temas que um dia ainda gostaria de homenagear aqui no Blog escrevendo sobre os mesmos. A ultima vez que publiquei uma cronica sobre a Historia de Portugal foi no ano passado quando em 11 de Novembro publiquei a cronica A tragedia do Terramoto de Lisboa, 1 de Novembro de 1755.

Esta cronica faz-me pensar em algo. Como estaria Portugal se estivesse entregue a um regime monarquico? Nao sei, a unica certeza que tenho e que certamente nao estaria pior do que esta. Eu vivo quase a vinte anos num pais com Monarquia e o mesmo e considerado como aquele que mantem a Economia mais forte na Europa, Reino Unido e apenas um exemplo vejamos tambem a Suecia, Espanha e o Luxemburgo entre mais alguns paises na Europa que sao monarquicos ou onde os monarcas ainda tem muita forca politica num regime ja republicano. Nao estou a defender a Monarquia e nem a tornar-me Monarquico mas apenas realista. Portugal certamente se estivesse sobre um regime monarquico mais conservador nao teria entregue as colonias da forma como as entregou entre muitas outras coisas que poderiam ter sido bem diferentes se Dom Manuel II de Portugal (1889-1932) tivesse governado e dado continuidade a Monarquia em Portugal mas depois do Regicidio de 1 de Fevereiro de 1908 era visivel que isso seria praticamente impossivel.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

Santo Antonio de Lisboa, Santo Antonio de Portugal (1191/1195? -1231)



Entre Lisboa e Padua ou Portugal e Italia continua a teima o conhecido Santo Antonio e de Lisboa ou de Padua. Nao querendo estar a puxar a brasa a minha (ou a nossa sardinha) mas considero que alguem pertence ao lugar de onde nasceu e nao ao lugar de onde morreu sendo assim Santo Antonio nao e apenas de Lisboa mas de Portugal.

Se a Nossa Senhora de Fatima e sem duvida a Santa de maior referencia em Portugal e em muito ajudou a que o pais fosse reconhecido por muitos creio que fazendo referencia a santos, Santo Antonio de Lisboa esta no mesmo patamar. Creio que ja aqui (no blog) fiz referencia uma vez a um australiano ao saber que eu era portugues falar-me de Eusebio e Benfica e, seguidamente perguntar-me qual era a capital de Portugal! Santos, idolos e vedetas que ajudam a marcar o nome de um pais e a fazer reconhecer o mesmo em qualquer parte do mundo. Igualmente tive o episodio de um ingles depois de saber que era portugues comecar-me a falar da Nossa Senhora de Fatima, do santuario que ele ja tinha visitado das aparicoes e dos pastorinhos.

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

O Profeta Maome (c. 570-632)



Certamente nao me irao poder acusar-me de discriminacao por nao falar da Religiao Muculmana tao bem como falo da Igreja Catolica ou algo do genero. Devo dizer que tenho muitos amigos muculmanos mas nunca me deu para pensar em seguir os mesmos embora o estudo da Religiao em termos de conhecimento e Cultura Geral em muito me tem despertado interesse esta cronica e uma forma de aprender e descobrir coisas que desconhecia e fico a saber durante o trabalho de elaboracao e pesquisa da mesma cronica.

Foi-me dificil escolher as etiquetas e por opcao deixei de fora Civilazacoes Antigas embora o Profeta Maome seja descendente de uma dessas civilizacoes e tambem por falta de espaco Cultura Geral, Opniao Publica e por fim igualmente Antropologia. As vezes nao e facil fazer uma seleccao das mesmas etiquetas por isso procuro sempre associar aquelas que parecem serem mais associadas ao tema. Tambem quero desde ja informar que nao escrevo esta cronica com o intuito de ofender, ridicularizar, humilhar o Islao e os muculmanos ou o seu Profeta simplesmente e meu proprio desejo aprender e passar a informacao e ajudar as pessoas sobre o que e o Islao e o mundo Muculmano sou da opniao que o Islao nao e apenas o Estado Islamico, atentados e terrorismo.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Sebastiao Jose de Carvalho e Melo (1699-1782), Marques de Pombal

 

Muitos pelo seu nome ainda que nao incucultos podem  nao saber quem ele e, mas depois de falar de seu nobre titulo de "Marques de Pombal" serao poucos os portugueses que nao sabem de quem se trata, que nao sabem  quem ele foi. O mesmo Sebastiao Jose de Carvalho e Melo ou entao se voce preferir Marques de Pombal e das figuras mais importantes e emblematicos da Historia de Portugal. Atrevo-me a dizer que poucos foram os monarcas portugueses que tiveram sua importancia e assim influenciar a Historia de Portugal para prova-lo esta a estatua  no cima de uma das avenidas mais importantes da cidade de Lisboa, as suas politcas e reformas mesmo nos tempos que se passaram durante uma das maiores senao a maior tragedia que poderia suceder-se em Portugal de que a memoria, igual ao terramoto de 1755 em plena Lisboa tragedia como essa nos tempos e anos mais recentes so posso comparar mesmo o incendio do Chiado ocorrido no dia 25 de Agosto de 1988 um desaire maior pelo simples facto do carro de bombeiros nao conseguir entrar na zona historica lisboeta mais exactamente na conhecida Rua do Carmo, a zona da cidade nao estava afinal totalmente bem preparada para uma nova tragedia como idealizou o Marques de Pombal mas mesmo esta em nada comparavel na imensidao da tragedia de 1 de Novembro de 1755.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Antonio de Oliveira Salazar (1889-1970)

 

Ja aqui falei neste blog de algumas pessoas em temas onde as mesmas podiam ser abordadas mas nunca fiz nenhum trabalho que se pudesse chamar de biografia ja que considero que uma biografia e um tema unico em que se fala apenas de uma pessoa, embora possa haver casos a parte em que por exemplo se pode fazer a biografia de uma banda de musica. Vou faze-lo agora pela primeira vez e sinto um certo orgulho nisso porque o escolhido foi sem duvida um grande exemplo de maior valor, nao sou eu apenas que o digo mas nao ha muitos anos quando se fez um programa televisivo para escolher o maior portugues de todos os tempos, ele Antonio de Oliveira Salazar foi o escolhido, quem me conhece facilmente o poderia adivinhar ou calcular porque sabem a simpatia que tenho por este senhor honesto, modesto e sensato, homem de grandes qualidades e enorme caracter que governou Portugal e colocou sempre os interesses do mesmo e dos portugueses acima de tudo, talvez eis aqui a razao pela qual governou um pais e chegou ao fim de uma vida sem nada ou pelo menos sem riqueza aparente.